Demorô

Grupo: Artigo
Álbum: Libertação
Não há video para essa música



- Demorô então...

Refrão:

Só quero te ver mais de perto, pra ver se eu tô certo, por me apaixonar,
Te pagar teu cinema, espantar teus problemas e deixar meus esquemas pra lá,
Sei que tua mãe não quer, sei que seu pai não quer, pois tô longe do que ele sonhou,
Mas enquanto eu quiser, enquanto tu quiser, vou lutar, bota fé, demorô!

Artigo

1ª Parte:

Quanto tempo faz? Quanto tempo fez? Que você me trouxe solidez pela última vez,
Parece que foi ontem, com ar de primeira, eu agindo de brincadeira, escondendo minha timidez,
Confesso me perder em teu olhar, me despedi na expectativa de um dia te reencontrar,
Pra te ver, pra te ter, pra eu ser, mais um ser, que te quer, minha mulher e pra sempre vou te amar.

No momento, eu só quero um momento pra nós dois, vamos de sentimento, deixa o sofrimento pra depois,
Desgraça a gente encontra de graça, porém sua graça me fez sorrir, em seguida se foi,
A quem quero enganar, quando digo que esqueci o seu olhar, brilha como dia que te conheci,
Nosso luar, até o sol raiar, o dia clarear, me faz acreditar que igual você nunca vi, vai!

Refrão:

Só quero te ver mais de perto, pra ver se eu tô certo, por me apaixonar,
Te pagar teu cinema, espantar teus problemas e deixar meus esquemas pra lá,
Sei que tua mãe não quer, sei que seu pai não quer, pois tô longe do que ele sonhou,
Mas enquanto eu quiser, enquanto tu quiser, vou lutar, bota fé, demorô!

Artigo

2ª Parte:

Preciosa, várias tentam seu lugar no pódio, mas nenhuma delas vence seu amor sem ódio,
Eu faço o melhor de mim, sei que cê gosta assim, quero uma história sem fim, não só mais um episódio,
Quem te teve foi traíra porém, mundo gira, o mundo que te dá é o mundo que te tira,
Linda azaleia, doce mar da Galileia, ao lado dela até Amélia vira mulher de mentira.

Rebobina a fita da vida e volte no tempo, antes do aborrecimento que a ausência causou,
Te conheci, esqueci o sinônimo do sofrimento, a vida me quis feliz e a tristeza passou,
Não sou o tipo de cara que entrega flor ou buquê, nem sou tão romântico quanto os galã lá da TV,
Tô sem dinheiro, tá maneiro, sou ligeiro, verdadeiro, sou primeiro e esse som eu dedico pra você, vai!

Refrão:

Só quero te ver mais de perto, pra ver se eu tô certo, por me apaixonar,
Te pagar teu cinema, espantar teus problemas e deixar meus esquemas pra lá,
Sei que tua mãe não quer, sei que seu pai não quer, pois tô longe do que ele sonhou,
Mas enquanto eu quiser, enquanto tu quiser, vou lutar, bota fé, demorô!

Projota

3ª Parte:

Sei que eu não sou o pior, muito menos o melhor cara que cê vai encontrar no rolê,
Mas eu tenho meia dúzia de habilidade, se tu sentir vontade eu te deixo conhecer,
Porque a vida me ensinou, como ser um mano do bem e também como tratar uma mulher,
Pode saber que eu vou te respeitar e respeitar um pouco menos sempre que você quiser,

Vagabundos como eu, que não tem dinheiro pra pagar rolê, sempre precisam de algo mais pra convencer,
E eu, gosto de rap, sou trabalhador, inteligente, então me diz amor, tá pra você? Hein!?
Vem, me dá a chance de acordar, ficar de pé, olhar pra cama e ver que aqui teve a melhor mulher,
Molhada de suor, tu me pediu meu coração com esse jeitinho eu disse: - "Tó"!!!

Refrão:

Só quero te ver mais de perto, pra ver se eu tô certo, por me apaixonar,
Te pagar teu cinema, espantar teus problemas e deixar meus esquemas pra lá,
Sei que tua mãe não quer, sei que seu pai não quer, pois tô longe do que ele sonhou,
Mas enquanto eu quiser, enquanto tu quiser, vou lutar, bota fé, demorô!
(Artigo / Projota)





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir

Veja mais letras e videos de

Artigo





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form