Mestruação

Grupo: De Leve
Álbum: O Estilo Foda-se
Ouça o som:   tocar tocar tocar



Acontece todo mês, desce igual cachoeira e enxarca o OB/ a não
ser que cê dê mole e esqueça o remédio pra impedir o bebê/ dizem
que é uma praga,/ mas até as mais magras/ ficam com 1 capuzão de
fusca, nem preciso de viagra/ elas ficam sensíveis ao toque no
seio/ eu no anseio/ chego perto, com cautela e receio/ depois do
carinho, disfarce,/ pega, aperta e amasse/ joga, xinga, bate/
espirra, suja a camisa, limpa com ACE/ a cama, a mancha,/ empoça
tanto que brinca de lancha/ pano úmido com sabonete Lux, luxo o
sangue desmancha/ o trabalho que dá não vale a pena/ é uma pena/
eu querendo virar/ e dormir/ e tendo que limpar/ até conseguir/
ficar branco, mais branco que eu no inverno/ e deixo de dar a
segunda porque já esgotei minha pilha de esforço interno

Mestruação! "A gente carrega esse fardo!"
Comer vocês assim é igual galinha ao molho pardo

Não se espante/ se no meio da rua a qualquer instante/ sentir um
calafrio no meio da perna que muda o estado de antes/ e não se
espante/ se conta os dias e ele atrasa/ não adianta fazer
mandinga/ que aprendeu com a dinda/ depois de em casa/ ter
acabado com as chances,/ dado dois ou mais lances/ sexo bem
feito,/ sem respeito,/ só orgia sem romance/ o espermatozóide é
maratonista e do caminho/ tem o guia 4 Rodas/ da rota/ viaja sem
pressa/ depois do carinho/ agora/ só na clínica clandestina/ vai
vir a secretária cínica/ atendimento pessoal atrás da cortina/
800 reais à vista,/ Citotec/ ou nasce o muleque/ tudo por causa
de 1,60, OLLA, cheiro de morango/ que foi gasto no suco de
maracujá/ pra acompanhar/ o rango/ mata ele, come a ponta do
osso de frango

Mestruação! "A gente carrega esse fardo!"
Comer vocês assim é igual galinha ao molho pardo

Nesse dia o mal/ é que não rola o sexo oral,/ mas economizo na
camisinha, mais de dois reais e pra passagem tá na moral/ passou
pela TPM,/ encara até PM/ mal o pé treme/ ela geme/ foi trabalho
de profissional/ eu doidinho/ pra ir embora depois do sexo, mas
sem carro/ tenho que ficar abraçadinho, vendo ela fumar cigarro/
senão atrapalha/ ela me chama de canalha/ e não tem mais
brincadeira, isso atrapalha/ meus planos já que ela se recusa a
tomar remédio/ diz que cresce o peito e fica de mal-humor, isso
aumenta meu tédio/ não posso forçar,/ não aturo encheção de
saco/ cinco dias no mês vai, mas 31 dias eu a ataco/ também não
me importo, me liga aí/ que eu vou praí/ a qualquer hora, saindo
daqui/ de Icaraí/ pra aproveitar a...

Mestruação! "A gente carrega esse fardo!"
Comer vocês assim é igual galinha ao molho pardo

Mestruação! "A gente carrega esse fardo!"
Comer vocês assim é igual galinha ao molho pardo





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir


Esse video não é dessa música? Clique aqui para nos informar

Veja mais letras e videos de

De Leve





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form