Quantas Vezes Mais

Grupo: Juruna
Álbum: É Pra Bater Pesado
Não há video para essa música



Quantas vezes mais
Você tem que errar
Pra se ligar
Que não dá em nada

Não é sempre que a sorte está do lado
Ou um anjo da guarda por deus eviado
Ficar aprontado logo achar o seu
Pra senta o dedo são vários ateus

Não basta a primeira passagem na tranca
Tomando um salve dos agentes pilantra
A sua coroa extremamente aflita
Pra te resgatar até faz simpatia

Não sei qual que é o que te motiva
Se pá descolei ser sintonia
Ter golf sapão, dvd da sony
Aparecer nos lugar se citado o seu nome

Mas treme de mêdo sempre no enquadro
A repressão dos gambés é puro esculacho
Quando na sua ficha é constatada
157 monstrão e tatuagem chapada

Mesmo assim não toma jeito
Depois se cresce contando prus parceiros
Que te delata no primeiro pau
Explode seu crânio na divisão do real

Vai se iludindo com os prazeres
Já vi o final de uma pá de gente
Inclusive na lista manos de infância
Deixando na vida apenas lembraças

Refrão

A cada passo aumenta mais
A sua chance de aqui jaz
E deixar pro zoutro a preta mais linda
Em qualquer concurso a primeirissima

A reunião entre familia
Estabelecendo memórias reliquias
Mas quer a rua sempre a rua
Roubando a fé da adolescência imatura

Escola virou um ponto de encontro
Mães abandonadas antes do 18
Não forma doutor, não formar prossefora
Só o muleque com metralhadora

Que tá aí amilhão de falco
Ocupando só lugares trágicos
Hospitais e cadeias, reformatórios
E o maldito caixão é lôgico

Se por si mesmo não entender
O governo mau liga reconlhece você
A familia dele tá bem apanpa
Mesmo rodiado de segurança

Tô só repetindo essas palavras
Carrego a perda de pessoas carismaticas
E não gostaria de ver você
Só uma escória para o poder





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir

Veja mais letras e videos de

Juruna





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form