Esquadrão da Morte

Grupo: MR (Mineiro MC)
Álbum: Milianos Ldos Holofotes... No Fundão do Valabouço Praticando Hip-Hop
Não há video para essa música



A trilha sonora começa a tocar
o terror entra em cena,preto,branco,cinza e vermelho sangue,é o tático do sistema na avenida principal,sentido zona norte o mensageiro da morte.Alta velocidade rasga o asfalto,a intenção é cruel,periferia o alvo, hã! vira a esquina,segunda esquerda e desce, rua toda esburacada,quebrada desvanece.
vinte duas horas,noite enluarada,
clima tenso quente,pessoas observam ocultamente.
(colagem) será.Corre o bicho pega
ficá o bicho come, tem um cheiro podre
que paira no ar,é a farda dos homi,
velocidade reduzida, agora marcha lenta, cada metro rodado ansiedade aumenta.
Faroletes,farol de milha manual
o caçador quer a caça,a vitima fatal,
descrito o suspeito,modelo periférico,
pobre e preto,o bandido perfeito.
Na calada irmão fique ligeiro,esperto.
Desconfie até mesmo da sua própria sorte.
Eles te pegam cheios de preconceito.
Ande bem atento pelo vale da morte.
Na calada irmão fique ligeiro,esperto.
Desconfie até mesmo da sua própria sorte.
Eles te pegam cheios de preconceito
Movidos pelo ódio é o Esquadrão da Morte.
Noite macabra,embaçada,sinistra
periferia atrai ratos e urubus
em cima de carniça,pobreza,miséria,
injustiça social é a química mortal
o tático percorre a alameda Teobaldo
ratos furiosos,olhos arregalados
dois manos vacilando no meio da pista
o tático para do lado(colagem)
não deu tempo na lei do silencio,psiuu... ninguém viu algemados,jogados no chiqueiro o tático prossegue sentido Avenida Brasil.
Sirenes desligadas,extremo,farol baixo,
não querem levantar nenhuma suspeita,
procuram um terreno baldio,abandonado,
a trama deve ser discreta,perfeita.
Na barca gritos,choro muita dor,
o suspeito implora:não,não,por favor.
Aonde é a biqueira? O gambé perguntou.
Simplesmente respondeu : não sei não senhor.
Tapas na cara,humilhação é rotina,
atitude violenta causada por polícia
provoca marcas ,trauma nas vítimas,
a insana covardia detrás da insígnia.
Meia hora depois cruzaram a marginal,
eles param numa escura estrada de terra, com muitas árvores,paisagem natural, suspeitos arrastados até o matagal.
cacetada na costa,atacados na maldade,
é a lei do cão,enorme massacre.
Armas são sacadas,coronhadas na nuca,
um tiro em cada testa,termina a tortura.
Na calada irmão fique ligeiro,esperto.
Desconfie até mesmo da sua própria sorte.
Eles te pegam cheios de preconceito.
Ande bem atento pelo vale da morte.
Na calada irmão fique ligeiro,esperto.
Desconfie até mesmo da sua própria sorte.
Eles te pegam cheios de preconceito
Movidos pelo ódio é o Esquadrão da Morte.
Covas abertas,já esquematizado,
nelas enterrados jovens que saíam
para curtir um baile na vila doutro lado, agora registro como desaparecidos.
Dias depois a covardia se repete,
a viatura é acionada,conjunto periférico extremo leste, trabalhador confundido com criminoso fugitivo.
Cena alterada,forjada contra o suspeito.
Os canalhas somem com seus documentos.
no registro é fatal do necrotério ao cemitério indigente assassinado de maneira brutal.
Mais uma família destruída pelos porcos, a mãe em desespero com o filho no colo, sem dinheiro,sem ajuda,informação, ameaçada pela polícia,enfim sem ação.
Justiça conivente,sistema incentivador,
dá medalha,homenageia àqueles que matam
gente inocente pela aparencia e cor,
eles sempre agem,confiam na impunidade.
Método eficiente,promove emprego,
recruta jovens para o esquadrão delinquente.
o dever policial manter ordem pública,
na incorporação a idiotice atua.
O povo se manifesta,tropas de choque
abusam da autoridade,não passam segurança, jogam bombas de gás no cidadão, avançam gerando mais violencia urbana.
Equipados pela sociedade,psicologicamente preparados,treinados como cães selvagens Na calada irmão fique ligeiro,esperto.
Desconfie até mesmo da sua própria sorte.
Eles te pegam cheios de preconceito.
Ande bem atento pelo vale da morte.
Na calada irmão fique ligeiro,esperto.
Desconfie até mesmo da sua própria sorte.
Eles te pegam cheios de preconceito
Movidos pelo ódio é o Esquadrão da Morte.
Revolta,criminalidade não se combate
na compra de armamento,e sim educação,
direitos básicos e muito respeito.
Lamentável,se acham os donos da razão,
sensação de poder que corrói o coração.
Nos role irmão fique ligeiro sem
generalizar,sistema de extermínio camuflado como polícia militar(colagem)

AUTOR E VOCAL: MR (MINEIRO MC)
PARTICIPAÇÃO: ALIADO MIX / W-LY (VEREDICTO Z.N.)
BASE INSTRUMENTAL: DJ CHACALL
GRAVAÇÃO: ESTÚDIO DABLIUEME
PRODUÇÃO DE MIXAGEM: DABLIUEME
CO-PRODUÇÃO DE MIXAGEM: MR MASTERIZAÇÃO
TOKDUGUETO PRODUÇÕES
ANO: 2010





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir

Veja mais letras e videos de

MR (Mineiro MC)





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form