Disparos

Grupo: Potencial 3
Álbum: O Melhor Ainda Está Por Vir
Ouça o som:   tocar tocar tocar



1o disparo, aí vai na polícia racista
Núbio P3, mais uma vítima
Suspeitos, brancos e pretos dos guetos
Em serviço sempre perdem o respeito
Desse jeito matam mesmo
Inocentes, sempre cometem o erro
Crododilagem, na abordagem Favela Naval, lesão corporal
Erro fatal, disparos por um animal irracional
Cai a casa novamente de mais um policial
Animal, marginal com estilo brutal
Brincar com a nossa dignidade na geral é normal
Cheirados, alcoolizados com tiques no rosto
Fardados, armados com raiva os monstros
Preparados para nos dar socos, assassinos ou loucos
De fuga tome pipocos
Gente burra, ignorante, parasita
Suborno feito pela polícia rodoviária na pista
Então se liga, liga, se liga na rima
Na idéia, se liga, pode acreditar

O som de click, o som do cleck, o som do bum
Nossos disparos vêm do microfone, ouça mais um
O som de click, o som do cleck, o som do bum
Potencial 3, ouça mais um

2o disparo vem em forma de alerta
Vê se desperta, faça a coisa certa
Veja o povo, veja como. Com os dois olhos
Não tape os olhos, abra seus olhos
Tenha bons modos com a nossa negra gata
Gata que mata de tanta beleza
Por isso viva a vida e tenha consciência e toda certeza
De que vamos continuar
No ar a flutuar, no mar do rimar, não vamos deixar
Que nossa história acabe, me fale
Por que queres que a gente cale
De nada vale, escute nossa proposta
Vale de nada assumir uma postura falsa
Núbio já disse, mas James Lino reforça
Esse é o disparo para juventude nossa, bum

O som de click, o som do cleck, o som do bum
Nossos disparos vêm do microfone, ouça mais um
O som de click, o som do cleck, o som do bum
Potencial 3, ouça mais um

3o disparo, aí vai para o alto, no planalto
Governo que toma de assalto...
A nação. Roubando a água, o leite, o pão
Você irmão, a legislação
Mudando a constituição e a população
Que eles facilmente vão calar a boca
Com um "salarinho" de merda e uma puta vida louca
Mas se você não luta, não escuta
Prefere sempre usar a camisa de filho da puta
Já tem o que merece
Já sabe o que acontece
E não me importo, vou lutar até os ossos
Nos deram o gueto, então o gueto vai ser nosso
Nos deram o gueto, então o gueto já é nosso
Pois tudo que eu tenho direito eu quero ter, mano, eu posso
4o disparo aqui vai, é o derradeiro
Pros manos do pandeiro que só querem dinheiro
Parceiro, samba não é só em fevereiro
� a nossa história, é o quem vem primeiro
Primeiro o respeito, sem preconceito
Pode tocar e cantar direito
Daquele jeito partidão, aceito
Se for samba dolente dói até o peito
Tá legal, nojento, aceito o argumento
Mas não altere o samba como é lá dentro
Eu lamento, lamento, lamento, lamento
O samba que eu gosto não é esse tormento
Tem que tocar, que se toca; 1,2,3, já
O samba vai começar
Fazem de tudo pra silenciar a voz do povo
Ei lôco, no jogo, não "seje" bobo

O som de click, o som do cleck, o som do bum
Nossos disparos vêm do microfone, ouça mais um
O som de click, o som do cleck, o som do bum
Potencial 3, ouça mais um





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir


Esse video não é dessa música? Clique aqui para nos informar

Veja mais letras e videos de

Potencial 3





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form