Durma Com os Anjos Criança

Grupo: Produto da Rua
Álbum: Produto da Rua
Ouça o som:   tocar tocar tocar



São Paulo garoa fria...
Nos andávamos pelo centro parecia ser o dia mais frio
de todos os tempos, eu e o Bruno reclamávamos de
nossas roupas, blusas e tocas, nada esquentava.
Foi então que uma visão de um garoto nos deixou
chocado:
- Olha lá Gut, eu juro que não acredito no que vejo,
é uma criança só de shorte, sem camisa e cheirando
cola!
E nesse tempo?
Infelizmente Bruno nem todos pais são os pais mesmos,
na falta de carinho;
A fé, educação compreensão e respeito, fazem uma
criança viver desse jeito.
- hei tio, o senhor não tem nenhum trocado pra mi
dar
ai não?
- depende, se ta indo pra onde?
Estou andando sem destino não tenho onde morar, já
são
dois dias q eu não como;
Chão gelado é a minha cama e minha cola é para mi
esquentar, mas e ai tio, o senhor vai dá ou não vai
dá?
Vamo cola naquele bar que eu te pago um lanche, pão com
manteiga;Um chocolate, mas e ai irmaozinho, qual é a sua idade?
Tenho 11 de idade mais não vem me imgrumpir, freqüento
sempre o S.O.S. e a FEBEM era uma casa pra mim;
Na vida já aprendi muitas coisas, poucas boas, muitas
ruins.
- e os seus pais famílias?
- eles não gostam de mim, melhor assim, nem sei nem porque eu nasci, mas ai tio, depois desse lanche eu vou dormir.

Durma com os anjos criança!
Que Deus olha por ti...
Durma com os anjos criança!
Um dia irá ser feliz...
Durma com os anjos criança!
Que Deus olha por ti...
Durma com os anjos criança!

Fazer campanha da televisão, diz que o menor tem
prioridade;
Fizeram o estatuto da criança e da constituição, quem;
Aqueles que descrimina nossos pequenos irmãos e o
tratam como lixo;
Na hora do voto a criança é o apelo, é o motivo...
Mas depois é queima de arquivo;
E quem se importa com a vida desses pobres mendigos;
Eles sofrem, o que fazer?
Nasceu pra isso;
São as palavras dos imundos que são ricos;
Que são mais sujos do que qualquer deposito de lixo;
O pobre não pode chegar perto do teu carro;
Trancam a porta, fecham o vidro; repito;
A um sistema falido;
São competentes no poder ou mafiosos de auto estilo?
- hei Gut, nosso bus ta vindo.
- Ai meu irmãozinho, seu lanche ta pago.
- hei tio, cola ai de vez em quanto; muito
obrigado.
- Que nada, toma minha jaqueta, fica a panpa, durma com os
anjos criança...

Durma com os anjos criança!
Que Deus olha por ti...
Durma com os anjos criança!
Um dia irá ser feliz...
Durma com os anjos criança!
Que Deus olha por ti...
Durma com os anjos criança!

No outro dia de manhã passo no mesmo caminho;
Pensei comigo em encontrar aquele menino;
Tomando banho na praça junto com outros amigos;
O sol brilha em São Paulo, que dia lindo;
Mas quando passo, vejo uma roda de pessoas aperto no
coração;
A impressão não é boa;
Uma tia grita;
Diante da cena de horror;
Uma pessoa desmaia na barraca de um camelô;
Eu chego perto, olho e também não acredito;
Morto lá estava o meu pobre menino;
Com o seu corpo aberto;
Rancaram seus órgãos internos;
Meu Deus, estamos na Terra ou no inferno?
A roda se assim de pessoas e a polícia não chegou;
E eu fiquei ali parado pensando comigo;
Viajando nos momentos da noite que passou;
Podia ser meu irmão, podia ser seu filho;
Uma lágrima apenas cai dos meus olhos tristes;
Uma lágrima que pergunta se a justiça existe;
Uma lágrima que cai nesse asfalto violento;
Palco de guerra entre menores justiceiros...
Eu vou rezar pra você ser feliz em outro lugar;
Papai do Céu veio te buscar;
E sua alma ser levada para o paraíso;
Tchau durma com os anjos criança...

Durma com os anjos criança!
Que Deus olha por ti...
Durma com os anjos criança!
Um dia irá ser feliz...
Durma com os anjos criança!
Que Deus olha por ti...
Durma com os anjos criança!





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir


Esse video não é dessa música? Clique aqui para nos informar

Veja mais letras e videos de

Produto da Rua





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form