Carapuça

Grupo: Provérbio X
Álbum: Não Perdi A Minha Fé
Ouça o som:   tocar tocar tocar



Por quanta coisa passei,devia ter me entregado,mas no
Meu nome tem borges,no sangue tem santiago,meu coração
É de cristo,pra quem a alma entreguei,o verdadeiro
Motivo pra eu não me render,o inimigo é astututo
Cilada numero um,quem me tirar da igreja usando a
Língua de algum,que sempre deixa uma brecha,que
Ergueu-me decepcione,mas faço a obra por cristo e não
Por causa de homens,faz algum tempo me apresentei,1995
Soldado de elite,sai primeiro disco,são quatro anos de
Luta,que guardo em minha memória,severo
Aprendizado,fidelidade colocada á prova,sem dinheiro
Era:deus,eu,a cara e a coragem,á minha frente um
Deserto,apoio de nenhuma parte,medo de ser
Confundido,exército de mercenários,desconsiderei que o
Trabalhador é digno do seu salário,boa fé e confiança
Na gravata e um terno engomado,andar e falar
Puritano,bíblia debaixo do braço,saias curtas ou
Longas,cabelo grande ou cortado,líderes de
Mocidade,sujeitos mal intensionados,"maldito o homem
Que confia no homem",assim está escrito,paguei alto
Por ignorar os ensinamentos de cristo,mais de seis mil
Em cd,só de calote abalou,scrockes que falam em
Línguas,te chamam de irmão,honra ameaçada por
Dívidas,imagem na lata do lixo,dificuldade de pagar
Até o que foi investido,prejuízo que não é só meu,se
Fosse eu deixava quieto,não são apenas ladrões,fazem
Vergonha ao evangelho,mas aprendi com meia dúzia de
Loucos,não permito que a obra pare,não!!!não!!!
Irmãos e irmãs,tudo certo,suspeitos á parte,pra
Quem pensa que pode fazer o que quiser,que não estamos
Atentos e vai brincar com a nossa fé,muito pelo
Contrário,apenas intercedemos por você,não se
Engane,meu deus,não se deixe escarnecer.

(refrão)
Sem tua graça pela angústia,
E pare sem vida.

E os doutores da lei,os donos da verdade,verdadeiros
Juízes,senhores da santidade,não!!!não é mais o amor
Que nos torna iguais,mas o cumprimento de caprichos,de
Vondades pessoais,já sei,custe o que custar,vai me
Provar seus conceitos,usar versículos
Isolados,ignorando
Contexto,costumes,tradições,culturas e épocas,pra
Provar suas teses,se preciso,quebra as regras,ai
Daquele que for diferente deles,sua aparência
Determina seu caráter,quantas vezes,a periferia foi
Vítima desse equívoco,por quanto tempo isso calou,os
Rappers de cristo,resultado,angústia jorra como
Sangue,no coração da mãe que implora ao seu filho que
Se levante,mas com dois tiros na nuca,está tudo
Acabado:doutor,jogaram o cara,por causa de um
Cigarro,isso é ceilândia,minha quebrada,você quer que
Eu assista e fique de boca fechada,mas não vou cruzar
Meus braços,e nem vou deixar quieto,se o maior dos
Maiores,morreu de braços abertos,enquanto pregam uso e
Costumes,gasta todo seu tempo nisso,o mundo real
Procede:gangues,drogas,homicídios.
Assassinos frios,mentes perigosas,sanguinários,que
Se conhecessem á deus,poderia ser
Evitado,realista,honesto,não usa meias palavras,eu tô
Pregando o evangelho e não um conto de
Fadas,dez,quinze,vinte anos de igreja e ainda não
Perceberam,não se encontraram com cristo,nem seu amor
Verdadeiro,que devora as diverenças culturais,que
Abala as estruturas sociais,sinceramente não acredito
Nesse cristianismo,cheio de
Acepções,egoísta,mesquinho,despreza o respeito mútuo e
Foge dos princípios,nem de longe é a sombra de joão
13:35,felizmente há excessões,graças há deus,a leste
De santo antônio,pastor mateus,betel do p.norte,pastor
Fernando,admiro e considero,vou continuar
Orando,sambaia,sara nossa terra,pastor edvaldo,só de
Saber que está aí,já me deixa mais calmo,aqui da casa
Pastora zélia,bispo josé luiz,quem me dera meus
Chegados todos fossem assim,cominidade vida
Abundante,pastor romero,maturidade cristã,no rumo
Certo,ministério vencedores,pastor ezequias,uma bênção
Pra ceilândia,uma bênção na minha vida,todos esses e
Muitos outros que não foram citados,sabem que o
Evangelho é feito de atitude e não de papo furado.

(refrão)
Vem visitar,
Vem visitar,
Nossas almas,óh senhor.

Tem mais,tem mais,o joio tá na ativa,trazendo pra
Dentro da igreja,disceminando,a hipocrisia,a doença
Dos séculos,quase
Imperceptível,camuflado,falso,covarde,socialmente
Escondido,(porém,direi,para vocês irmãos),mano vou ser
Curto e grosso,eu falo é do racismo,muito comum nas
Piadas,severa brincadeira,tragicamente arraigado á
Cultura brasileira,está em todos os cantos,não adianta
Fingir,esse câncer maldito,vim encontrar aqui,e eu não
Vou me calar,só pra manter a aparência,tampar o sol
Com a peneira,não resolve o problema,pra mim não quer
Dizer nada,esse seu rótulo de crente,lúcifer também
Tembém é e crer tanto que até hoje se treme,sei muitos
Não gostam de mim,pois toco na ferida,de tanto ander
Com jesus peguei a mesma mania,e como á dois mil anos
Atrás,queriam o condenar,sei que vai ter um farizeu
Pra me crucificar,mas bem pior que o racismo,é o que
Os sínicos dizem,é muita demagorgia,dizer que não
Existe,meu sangue sobe,ferve,o meu deus me capacita,é
Nos frutos do espírito que eu seguro a minha ira,mas
Por que me consolar,toda vez que eu falo,que sou preto
Constrangido,diz que sou apenas pardo,sei muito bem o
Que seou,não fingam que não entenderam,não sintam pena
De mim,mas sintam de vocês mesmos,a grande bênção da
Minha vida é a minha cor,minha gratidão vai ser eterna
Ao meu criador,que sempre sabe o que faz,por isso sou
Um negro,provando de uma vez por todas que me ama
Mesmo,mas muitos perdem a alto-estima,negando sangue
Das veias,tentam fugir de suas raízes,acabam presos na
Teia,tema ausente dos púpitos enterrado bem
Fundo,ninguém viu,ninguém ouve,cegos,surdos e
Mudos,sinto contrariar,mas agora eu já fiz,meu nome é
Isaías,voz do provérbio x,certamente,tudo que eu
Falei,não serve pra maioria,mas pra alguns,a carapuça
Cabe sobre medida.

(refrão)
Vem visitar tua igreja,
Oh bendito salvador.

Sem tua graça,pela angústia,
E pare sem vida.

Vem visitar,
Vem visitar,
Nossas almas óh senhor





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir


Esse video não é dessa música? Clique aqui para nos informar

Veja mais letras e videos de

Provérbio X





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form