Ritmo Bandido

Grupo: Relatos da Invasão
Álbum: É o Gigante
Ouça o som:   tocar tocar tocar



Hã...
Relatos da Invasão então
(É isso memo)
Na produção, hã
Cola aí Down, cola aí
(Causa terror nos bico sujo)
Mostra qualé que é, morô?
(Thig, Negrinho, Dj Pitucho)
É bandido memo, hã
É estoro na norte
Lá, vem descendo a ladeira
De sexta-feira
Quatro preto na passateira
80, dá pra ve que até representa
Nas curva do Nova Galvã poe a terceira
Eu... convícto
A escuridão não é um horror
Quem... associou essas ideia se enganou
Quntos não ficos
Ditado que alguém plantou
Se o seu passado é negro pra mim ele é lindo
Baseado nessas ideia antiga
Contrariando o mundo que nóis envolve as pista
Eu desbaratinado, espero minha vez
Camisa do time da quebra, no pé um cortêz
Eu sei que tem
Várias esperando, porém
Se não tiver, a política já não me convém
Tem que ser bem mais do que o vestido perfume
Se você é preto e favela se assume
Então cola, a ideia que construi e rola
Pa que to na sua merece desprende e bota
Avisa os conversa que gosta de fofoca
Que hoje há mais um capítulo novo da história
(Refrão)
Eu vejo uma estrela brilha em seu caminho
Algum luar que te reluz e eu registro
Uma revolta se criou e fez motivo
É impossível de negar o jeito bandido
Hã... Bandido... Tá no seu jeito de olhar
Bandido... na sua forma de chegar
Bandido... Tá no seu jeito de ser
Bandido... Tá no seu resplandecer
Bandido... Tá no seu jeito de olhar
Bandido... na sua forma de chegar
Bandido... Tá no seu jeito de ser
Bandido... junto co's locão no rolê
Filma... o brilho das estrelas com a lua
É envolvente... as preta, a noite, a mistura
Pra deixa os vagabundo, só na fiçura
A procura da perfeita, no baile ou na rua
Disfruta, o ínicio de uma nova jornada
Se seco, amarula, então trinca a gelada
Pé na estrada, no caminho o que eu esperava
Uma viatura diminui, encosta encara
Não embaça nos doido da norte que passa
Desvia seus ohar, assobia e se afasta
Nóis só qué
Esquece um pouco a real
É o grito maloqueiro que aumenta o astral
Deixa, os pi, ganhar, paga um pau
Pro ritmo bandido e pra cara de mal
É no canto da pista que tá os marginal
Pra cola na nossa boca tem que ser na moral
É fatal, uma falha nessas altura
Se a ideia não consta, fica só a loucura
A responsa pura, tá co's preto até de manhã
A favela toma conta, picadilha jaçanã
(Refrão)
Eu vejo uma estrela brilha em seu caminho
Algum luar que te reluz e eu registro
Uma revolta se criou e fez motivo
É impossível de negar o jeito bandido
Hã... Bandido...Tá no seu jeito de olhar
Bandido... na sua forma de chegar
Bandido... Tá no seu jeito de ser
Bandido... Tá no seu resplandecer
Bandido... Tá no seu jeito de olhar
Bandido... na sua forma de chegar
Bandido... Tá no seu jeito de ser
Bandido... junto co's locão no rolê
Eu tô envolvido
Deus sempre anda comigo
Eu não tô perdido
Ele me mostra o caminho
Quem diria
Que isso ia acontece um dia
Conexão nervosa Jaçanã Vila Maria
Se é pra ser, demorô, é agora
Se envolve, não corre, não pode simbora
Os vagabundo é correria, isso eu já vi
Talento bem de berço, não precisa nem discuti
Pois, faze rap de verde é um privilégio
Não se aprende em faculdade, não se ensina em colégio
De repente apareceu
Uma pá de modinha
Que balança o fiofó, pra cata menininha
Sai pra lá seu comédia, cuzão, paga pau
Sente o peso desse groove funk original
Diferente desse lixo que se diz atual
Nosso som é verdadeiro, você fala mal
Deadbreque, chacrete para com a gretch
Vê se não se esquece, aqui quem fala é o rap
Nunca me compare com essa merda de black
Eu sou atitude que enlouquece os muleque
(Refrão)
Eu vejo uma estrela brilha em seu caminho
Algum luar que te reluz e eu registro
Uma revolta se criou e fez motivo
É impossível de negar o jeito bandido
Hã... Bandido...Tá no seu jeito de olhar
Bandido... na sua forma de chegar
Bandido... Tá no seu jeito de ser
Bandido... Tá no seu resplandecer
Bandido... Tá no seu jeito de olhar
Bandido... na sua forma de chegar
Bandido... Tá no seu jeito de ser
Bandido... junto co's locão no rolê





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir


Esse video não é dessa música? Clique aqui para nos informar

Veja mais letras e videos de

Relatos da Invasão





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form