Na Minha Quebrada

Grupo: Safra de Guerreiros
Álbum: Juntandoaspeças
Ouça o som:   tocar tocar tocar



Garoto humilde,
Em pouco conquista respeito onde ir
Lembro quando não tinha
Nem um tênis pra vestir
Hoje tenho um ou outro
Com o esforço do meu trampo
Foi difícil
Porque o dinheiro era pouco
Mas quando penso em reclamar
Lembro do meu povo,
Que rala o dia intero
E mesmo assim um sorriso no rosto
Aparece no final do dia
Com a esperança de volta
Pra casa com sua família
E quantas vezes
Não volta, de a pé
Por não ter o dinheiro do buzão
Mas ainda manter sua fé
Que as coisas vão melhorar
Mas me diz como
Sendo que quase metade do salário
Vai pro dinheiro do ônibus
� difícil néh parceiro
Muitos são feliz por ter um buteco
Ou carteira registrada
Em um trampo de pedreiro
Sem saber o quanto pode ter
Perde a esperança no que qué
Se tem que manter sua fé
Porque as coisas vão melhorar
Também do jeito que tá
Não tem nem como piorar
Vamos lá procure enxergar
Basta acretitar
Pois eu sei
Deus te deu brilho no seu olhar
Eu vi um prefeito
Falando de preconceito
Mais fora dos bastidores
Julga um mano por ser preto
Só por ser largado
E ter origem do gueto
Se não é me diz
O que é preconceito
Eles julgam roubar
Outro por vender
Mas muitas vezes vazem isso
Por não ter o que comer
Não to defendendo só to
Tentando dizer
Que já que preconceito não é crime
Corrupção devia ser
Na minha quebrada
Menor vende até consome
Os pais passam fome
Pros filhos não passar fome
Mas tenho que resistir
Permanecer de pé
Se eu cair não vou ficar no chão
Só porque você qué
Eu vi
Muitos querendo um lugar de destaque
Jovens futuro da quebrada
Tá largado no crack
Um mano que apanha
Da policia sem motivo
Mulher que deixa o lar
Porque apanha do próprio marido
Mas quando penso em reclamar
Lembro do meu povo
Que rala o dia inteiro
Enquanto escorre o suor em seu rosto
Porque eu sei que
Os bons são maioria
Ainda tem quem ajude
Senhoras atravessar esquina
Lembro de um moleque
Que jogava igual crack
Confundiu o respeito
Pela droga chamada crack
Na tv um padre que
Não sei como
Foi preso acusado de abusar
De uma criança de 11 anos
Eu me pergunto ?
Será que esse é o final ?
Como um pessoa qui pode ser pode
Podi fazer o mal
Me diz vagabundo
Onde vai parar
A maldade desse mundo

(refrão)
Sei que as coisas tão ruins
Mas sei que vão melhorar
Irmão se você cair ,
Eu estendo a mão pra você levanta
Pois basta acredita, basta acredita
No futuro da quebrada

(mc' misael)
Futuro consiste
Em ideais e realizações
Enxugue suas lagrimas
Contenha suas emoções
Amo onde eu vivo
Porque vivo onde eu amo
Aqui nós somos e temos
Tudo o que precisamos
O que é nosso foi dado por deus
E eu acredito
Que o melhor ainda está por vir
E tenho dito
Que a cada dia
Nosso olhos abriram
Os falsos caíram
O sorriso dos meninos
Na rua fluíram
Os sonhos de um mundo melhor
Não são só ilusão
A paz na quebrada
Sairá da ilustração
Vamos voar , viver um sonho
Sem tirar os pés do chão
Julgam por raça e por cor
Mesmo sendo todos irmão
Periferia não é só
Criminalidade e pobreza
Nós demonstramos
A nossa maior riqueza
Ao ver as portas se abrirem
Pra quem não teve diploma
Ao ver os vermes caírem
E o diabo beijar a lona
Pois eu vi
A minha pátria amada
Senti que aqui
Deus também fez sua morada
Porque ele não quer dinheiro
Nem busca por multidão
Mais quer os puros de espírito
E humildes de coração .





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir


Esse video não é dessa música? Clique aqui para nos informar

Veja mais letras e videos de

Safra de Guerreiros





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form