Como Uma Fênix

Grupo: Snyper
Álbum: As Lágrimas Fortalecem
Não há video para essa música



Retroagir, não é retroceder
Recuar, não é se render
Nem sempre ganha que tem poder
O importante é crer, se quiser vencer
Não conheço malandro com cabelos brancos
Muito menos santa com tamancos
O que vejo é uma desigualdade real
Confrontando com uma igualdade espiritual
Relativamente complexos são meus pensamentos
Glórias, alegrias e sofrimentos
O leão de hoje, já morreu
Posso ser tudo, mas nunca ateu
Pois afinal, quem criou? Quem gerou?
Veja bem, até ele já chorou
O sorriso ajuda a esconder a dor
Mas não é capaz de encobertar o rancor
O certo e o errado andam lado a lado
A vida é assim, do começo ao fim
E quem se lembrará de mim?
Não importa, de qualquer forma vou bater na porta
Se vai abrir não sei, patinei na lei
Não nasci pra ser rei, mas bobo da corte também não serei
Coisas simples me fazem feliz
Coisas ruins me fortalece a raiz
Pede com fé que Ele te dará
Me deu mais um motivo pra odiar
O que faço com toda esta revolta?
Não quero que isto afete quem está envolta
O Yin e Yang me ajuda a controlar
E tentar por pelo menos alguns momentos amar
Viche, às vezes sinto o amargo na garganta
Mas algo me diz: -- Vai, levanta!!
No único lugar onde elas rolavam, secou
Lembrei, analisei, mas não adiantou
Podem até me darem mais motivos e mágoas
Mas por favor, não me sequem as lágrimas
Sou humano pecador
Mas é difícil aceitar a notícia do doutor
Sozinho foram os momentos
Tristes, sombrios, o maior dos sofrimentos
Algumas pessoas tentavam me reanimar
Os aparelhos? Ah! Podem desligar
Eu tenho ódio e sei quando o guerreiro cai
Quando não ouve a palavra ?Pai?

Momento feliz é raro mas ainda existe
Sinal de que Deus ainda insiste
Mas sinto que a distância é muito grande
Aí fica difícil viver com Ghandi
Obrigado Senhor por estes momentos
Ajudam amenizar o sofrimento
Extravasar por dentro e reabilitar meu centro
Um casebre na montanha era tudo o que eu queria
Ver pássaros, o vale todo dia
Esquecer do tempo que me escraviza
Sentir o sol a brisa
Um lugar cheio de crianças, sem algemas como alianças
Meu Deus como eu queria
Poder ter mais humildade e sabedoria
Pra poder entender, o verdadeiro significado do seu poder
Entender que seu poder é inigualável
E ter uma fé inabalável
Me perdoe Senhor
Mas este cobertor veio cheio de dor
Realmente abalou minha fé
Mas caí em pé (pode crer)
Ainda tenho fé!





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir

Veja mais letras e videos de

Snyper





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form