Fúria de Titãs

Grupo: SP Funk
Álbum: [Desconhecido]
Ouça o som:   tocar tocar tocar



[Tio Fresh]

Se quiser me testar vem já pode começar não sou eletrônico mas tenho algo que liga,
Quando ouve minha voz faço o microfone gozar, com o sem fio geme até da microfonia,
Por isso eu vou, vou mandando 9 broncas pro pavilhão sou o MC q fez o Rakim pedir a benção,
Sou capaz, se vivesse décadas atrás, teria feito Hitler ganhar o Nobel da Paz,
Seria cura do câncer pro Bob Marley viver mais,
E seria o líder na fuga de Alcatraz,
Sou tão louco fui 3 vezes expulso do hospício,
Mas que o Maurício faço o Cascão tomar banho por vício,
E se o Gabriel só pensa que é pensador, nada contra o Tio é graduado em pensamento,
Prozack pra mim é lucro maluco no truco eu sou o zap,
Se eu nao ganhar dinheiro com o rap vou assaltar o Mapping,
Ficar mais conhecido que o ratinho da Folha,
Tirar o Jorge Amado com apenas uma folha,
Se tô na TV pode crê já era Faustão e Gugu,
Tenho 2 de miopia so rei na terra do Mister Magoo,
E já que você pediu vou te dar aquele abraço por trás,
Vou te colar mais que lambe-lambe do Racionais,
E depois cê vai se perguntar "Purque eu so muita treta?",
Como eu mato os caras com 5 miligramas de letra,
Mas acredite só falo quando sei do disquete,
O novo conteúdo da IBM se chama Tio Fresh.

[Dj Q.A.P]

Fervendo, a mais de 1000 graus centígrados derrentendo seu toca discos,
Caldeirão, e eu com o microfone na mão a fúria de titãs te trouxe até outra atmosfera,
4 cantos, 4 elementos, Água Fogo Vento e Terra,
Norte Sul Leste Oeste fogo no foco ataco na peste,
Faço secar o mar, alagar o agreste do nordeste, deserto do Saára,
De certo o Ceará ficará como disseste o Buddha em Buda Peste o que será será,
Eu falo que falo não jogo no ralo,
Só não me calo, saliva viva, eu não me calo,
Você e sua letra me lembra da minha mãezinha,
Quando ela fazia pra mim, sopa de letrinha,
Eu nasci há 10 mil antes do Raul Seixas,
Futurístico, eu que ensinei Paulo Coelho estilo místico, Highlander
Se ferir minha orelha e não for humilde vou ter que fazer como fez Evander Hollifield,
Duvide, que iludo como David Copperfiled, enigma,
Mensagem vem codificada passa assinatura também,
Nem dança da chuva vai apagar porque meu fogo não é fogo de palha,
Se sua casa caí nos ouvidos não é da sua falha o Bomba derruba o prédio inteiro e aprendeu com o Sergio Naia.

[Maionese]

Me passa o microfone eu faço logo um improviso,
Te boto no chão faço como no, jiu-jitsu,
Por que comigo o verbo é fluente ao natural,
Vacila na minha eu te mastigo como um canibal,
E que tal fala sério parar pra pensar só, que é tanta desgraça que eu nem gosto de lembrar,
E sigo em frente não sou caranguejo não ando pra trás,
Também não deixo brecha que o retornante é Jedi,
Meu som é complexo a tarde, a noite ou de manhã,
Eu não falo de amor mas gosto de Djavan,
E se você acha que eu só falo merda e seu ouvido não é pinico,
Volta pra pra casa, liga a TV e vai ve horário político,
Porque é assim que eu gosto assim que eu faço, assim que é,
Só não confundam com arroz feijão maria josé e pelé,
E em primeiro lugar eu to na puli não na polyposition,
Invento rimas enquanto japoneses inventam playstation,
De ouvido em ouvido em ouvido você não se esquece,
Que assim que eu vo bem longe tipo via internet,
Ou eu vou até o bar e peço uma caracu com ovo,
Eu to fraco que só a porra, a um mês que eu só como miojo,
Pelo menos eu falo a real, não fico jogando confete,
Se você quer ouvir falsidade vai vê o programa da hebe,
1 2 3 4 5 6 7
Quem ouve não esquece meu nome: Maionese.





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir


Esse video não é dessa música? Clique aqui para nos informar

Veja mais letras e videos de

SP Funk





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form