História Sem Fim...

Grupo: Terra Preta
Álbum: Terra Preta Em Exposição de Pensamentos Vol.1
Não há video para essa música



[verso um]

É pra deixar rastro meu ,momento de reflexão no ar
homem que nunca cai , samurai , sabe de onde veio em mim tá na memória os barraco que eu morei.
Sente só o preconceito dos outro porque cantava um r a p, com tiroteio agora não se comove
Ninguém avisou , sempre vi , cair que nem boneco os cara dando um trago ou de bobeira no téco
o ?preto véi? sempre dava idéia que é pro's muléque estudar , manter a mente aberta,
Lá esta ele cresce , tem morro tem sobe e desce , passaram dez anos a mesma coisa acontece,
político enriquece , não , ninguém reflete depois que se reelege , o que promete esquece
E desde lá muita coisa pra contar , ameniza a ?picadilha? que por enquanto é só...

[refrão]

No mundão se der falha, a morte vem e te estraçalha , é um convite pra seguir humilde
Essa é nossa história é pra ficar na memória se fosce contar daria um filme
Respeitar a quebrada , devagar na escada se duvida então acredite, é o que foi bom pra mim e vai ser sempre assim , história sem fim....

[verso dois]

É pai... lembrança que não sai mais , ensinamento que me fez ser samurai ,
pra aguentar sem ter pra onde correr , e procurar a luz no horizonte e não ver ,
Boto a cara no espelho e olho pra mim e me pergunto se essa história não vai ter fim , é muito
trágico o limite tá no máximo cotidiano exige que esse mano seja mágico.
È o que leva os homens aos milhares p´ros bares dificuldade aumenta o cara ?endóida' só pode ser.
Vou acordar bem cedo pronto pra rir , fazer com que o ódio e o medo se afaste de mim , é só um segundo e o mundo muda a coisa muda e essa vida é uma escada a gente estuda , o prêmio é seu , o
auge é todo seu , na busca do limite do céu que se perdeu...


[refrão]

[verso três]

O tempo passa e o problema se disfarça , se não honra o que faça então não chega a lugar nenhum ,
É visor ótico e tudo fica mais próximo , agora se enxerga o óbvio num simples zoom. Eu aprendi ser samurai , problema cai , me julgue e olhe pra traz , palavra trai .Se anda quando percebe desanda , desmancha o progeto , e o sonho , suponho que não passe de mera coincidência , tem que estudar pra compreender essa ciência , tudo questão de vivencia , arte do ser humano condiz de ser o responsável pelos homens que vão nascer. Ah Deus do céu , na terra eu sou mais um , já sei o meu papel e é muito comum , vai ser assim , até minha vida acabar , guerreiro até o fim sem de- sanimar.

[refrão até desvanecer-se... ]





Tem erros na letra? Clique aqui para corrigir

Veja mais letras e videos de

Terra Preta





Publicidade



Rap Nacional? Tá no lugar certo! © 2011 Rap Na Veia. Design originalmente por: spyka webmaster (www.spyka.net) XHTML e CSS validados

Feedback Form